Só o Bem repara o mal

O arrependimento é nossa maior conquista, porque através dele já estamos procurando a reparação pelo labor no bem e pela reeducação dos costumes. Somente dessa forma somos capazes de vencer um dia após o outro, sem desanimarmos da oportuna semeadura de amor que começamos a plantar, independente das tormentas interiores provocadas pelo bisturi das “dores emocionais” que venhamos a experimentar.

Só o  bem repara o mal. Só o  bem nos dará energias essenciais para continuar.

Concluímos, portanto, que lutar e tentar, errar e recomeçar fazem parte da longa caminhada regenerativa, e somente uma atitude pode fazer com que o  arrependimento transforme­-se em loucura ou  perturbação, fracasso ou  queda, a desistência de tentar, pois assim transformaremos o arrependimento impulsionar em remorso estagnante e tortura mental o caminho do desajuste…

Trabalhemos incessantemente pelo bem.

E se algum de nós ainda nutre dúvida sobre o que seja o bem, guardemos a eloquente e universal fala do Espírito da Verdade:

“Jesus disse: vede o  que queríeis que vos fizessem ou não vos fizessem. Tudo se resume nisso. Não vos enganareis” (O LIVRO DOS ESPÍRITOS, Allan Kardec – Questão 632)

Livro: Reforma íntima sem martírio. Psicografia de Wanderley Soares de Oliveira, ditado pelo espírito de Ermance Dufaoux.